Publicidade
Rádio JM
Canais Facebook Twitter RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
SAÚDE
Tamanho do texto: A A A A
18/06/2012

Pesquisa revela regiões mais lesionadas durante corrida

Compartilhar:

A corrida ganha cada vez mais adeptos e, com o aumento da sua popularidade, crescem também as incidências de lesões musculoesqueléticas. Os joelhos, pés, pernas, tornozelo e coluna são as áreas do corpo mais afetadas, de acordo com pesquisa realizada por professores e alunos do Programa de Mestrado em Fisioterapia da Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), que teve como intuito descrever hábitos, características de treinamento, histórico de lesões e suas possíveis associações entre 200 corredores recreacionais.
Dentre os principais resultados, a pesquisa ainda revela que quem corre há mais tempo tem menos lesões musculoesqueléticas. “Verificamos que os entrevistados que praticam corrida entre 5 e 15 anos apresentaram uma taxa menor de lesões. Esse resultado pode estar relacionado com pessoas que, com a experiência, se adaptaram ao esporte e, agora, entendem melhor o seu corpo. Com isso, criaram um fator de proteção”, explica Alexandre Dias Lopes, professor do Programa de Mestrado em Fisioterapia.
Desses avaliados, 55% relataram alguma lesão musculoesquelética ocorrida nos últimos 12 meses. Os problemas mais descritos foram tendinopatias e lesões musculares. O levantamento foi realizado com pessoas que correm por lazer há pelo menos seis meses. A maioria era homem (73%), com idade média de 43 anos e volume de treino de 35 quilômetros semanais. “Esses dados indicam um alerta aos participantes do esporte. É importante que eles procurem o acompanhamento de um especialista da área da saúde para saber as consequências e soluções para os sintomas”, afirma Luiz Hespanhol Junior, aluno envolvido no desenvolvimento da pesquisa. (TM)



OUTRAS NOTÍCIAS


Banco de Leite Humano convoca lactantes para doações (19/02)
Exame deve ser feito apenas em casos de predisposição à doença (31/01)
Homens brasileiros subestimam o risco de osteoporose, diz pesquisa (31/01)
Nova equipe econômica promete um ano de ajustes para 2015 (30/12)
Cerveja faz bem à saúde, se consumida na medida certa (14/12)
Vacinação contra paralisia e sarampo é prorrogada em Uberaba (13/12)
Atividade física e suplementos atrasam progressão da Sarcopenia (13/12)
Anvisa atualiza lista de antibióticos com a venda controlada no Brasil (12/12)
Baixo desempenho na escola pode ser um sinal de dislexia (12/12)
Cardiologista lança tratado sobre a estimulação cardíaca artificial (12/12)
Traumas cerebrais podem provocar casos de epilepsia (11/12)
Perda de massa muscular atinge mais de 50 milhões de pessoas (10/12)
Com o verão, aumenta a procura por procedimentos estéticos (09/12)
Mamografia permite diagnóstico mais precoce do câncer de mama (07/12)
Tratamento cirúrgico só em último caso, alerta especialista (06/12)
Possibilidade de desenvolver o problema é maior durante verão (06/12)
Cerveja não ajuda a eliminar o cálculo renal, diz urologista (06/12)
Especialista dá dicas para um bronzeado com saúde neste verão (05/12)
Medicamento possibilita melhor qualidade de vida a pessoas com autismo (05/12)
Mutirão de prevenção do câncer de próstata atendeu mais de 1.600 (05/12)




Banner Giovanna Prata lateral superior
Especial Aniversário uberaba
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

Banner blog mais bella
ENQUETE
A Câmara Municipal de Uberaba vai mudar o horário das sessões ordinárias para o período matutino. Você aprova a mudança?




JM FORUM
O MEC abriu audiência pública para ouvir os cidadãos sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Quais são os principais pontos a serem discutidos para a melhora, na sua opinião?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2015