Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
SADE
Tamanho do texto: A A A A
30/03/2015

Obesidade mata milhes de pessoas todo ano

Compartilhar:

Foto/Reprodução

O atual cenário, com superabundância de alimentos industrializados aliada à correria do dia-a-dia, tem preocupado os especialistas na área da saúde. O excesso de peso, ocasionado principalmente pela má alimentação, é a causa da morte de 2,8 milhões de pessoas por ano, segundo recente estudo da Organização Mundial de Saúde.

Metade da população brasileira está acima do peso. A obesidade pode desencadear diversas doenças, entre elas diabetes, hipertensão, colesterol alto, infertilidade e depressão.

Combater o sobrepeso não é impossível, segundo a nutricionista Flávia Naguetine, que aborda sobre algumas facilidades dos tempos modernos. “Hoje em dia é fácil carregar uma bolsa térmica com as refeições do dia e os lanches intermediários”, afirmou. É preciso planejamento por parte de quem quer mudar a própria alimentação. Uma das dicas da nutricionista é privilegiar refeições caseiras, com alimentos mais saudáveis.

A receita para ter uma vida saudável continua sendo a mesma: prática de atividade física aliada à alimentação equilibrada. O acompanhamento médico é imprescindível à atividade física, que deverá também ser acompanhada por profissionais competentes, a fim de evitar lesões corporais. Assim, é importante que a dieta seja balanceada ao treino, que poderá ou não ser nas academias.

A nutricionista ainda alerta aqueles que estão só com alguns quilinhos a mais do desejado. “Uma pessoa com dois quilos a mais do peso ideal já tem algum dos fatores que pode ser prejudicial à saúde futuramente. É necessário que a pessoa, ao perceber que está acima do peso, seja um, ou dois quilos, já procure fazer algo para minimizar doenças futuramente avassaladoras”, ressalta.

Naguetine ainda defende a conscientização por meio das escolas ao ter disciplinas nutricionais que ensinem desde cedo a como se alimentar de forma correta e a ler os ingredientes descritos na embalagem de um produto e sua tabela nutricional. “Fazendo isso, acredito que teremos uma população mais consciente e menos obesa”.

O que não pode faltar numa alimentação balanceada:

Frutos de todos os tipos vermelhos, amarelos e verdes. Incluindo o abacate, porém em poucas porções.
Verduras e legumes. Verdes e amarelos.
Alimentos integrais, como o pão (100% integral).
Proteína magra, contida no peito de frango, ovos, peixes e carnes magras.
Água é o melhor alimento e melhora o aspecto da pele, do cabelo e do corpo.
Castanhas do Pará. Rica em óleo benéfico para saúde e corpo.
Azeite de oliva, puro sem cozinhar.

Veja quais alimentos evitar:

Excesso de açúcar ruim, encontrado em sorvetes e doces. Pode ser substituído pelo açúcar benéfico, que é encontrado nas frutas.
Frituras, batatas e outros derivados.
Alimentos embutidos e processados, principalmente salames, salsichas e bacon.
Refrigerante diet, porque tem alta concentração de sódio, que ajuda a reter líquido no corpo.

Faça aqui o cálculo de seu Índice de Massa Corporal (IMC) ,consulte a tabela e saiba se você está acima do peso indicado:

Cálculo IMC

Situação

Abaixo de 18

         Você está abaixo do peso ideal

Entre 18,5 e 24,9

         Parabéns — você está em seu peso normal!

Entre 25,0 e 29,9

         Você está acima de seu peso (sobrepeso)

Entre 30,0 e 34,9

          Obesidade grau I

Entre 35,0 e 39,9

          Obesidade grau II

40,0 e acima

          Obesidade grau III

 






San Marco - 20jun
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Na sua opinio, como deveriam ficar os direitos polticos de parlamentares presos?





JM FORUM
A Lei Seca completou dez anos em junho. Na sua opinio, temos o que comemorar?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018