Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Gisele Barcelos - 11/01/2017

LIRAa mantm cidade em alerta quanto infestao do Aedes

Compartilhar:

Foto/Neto Talmeli


Resultado do LIRAa foi divulgado ontem pelo secretário de Saúde, Iraci Neto, acompanhado por diretores

Registrando 2,4% no índice de infestação do Aedes aegypti em janeiro, Uberaba permanece em estado de alerta quanto à proliferação do mosquito transmissor da dengue, da febre chikungunya e do zika vírus. O Levantamento do Índice Rápido de Infestação do Aedes (LIRAa) aponta que calhas, lajes, ralos, sanitários em desuso, vasos de plantas e bebedouros de animais continuam sendo os principais criadouros do vetor.

O secretário municipal de Saúde, Iraci Neto, adianta que o Poder Público já se prepara para intensificar as ações de combate ao mosquito e também organiza capacitações da equipe para aprimorar a assistência aos pacientes nas unidades de saúde.

Além disso, Neto salienta que contato será feito com os proprietários de imóveis fechados para viabilizar a entrada dos agentes de zoonoses. Ele afirma que o primeiro passo será dialogar com os donos dos imóveis e terrenos que representem risco, porém reforça que a Prefeitura tem respaldo de legislação estadual para a entrada forçada e até mesmo para aplicar multas nos locais que oferecerem risco à Saúde Pública.

Por outro lado, o titular da pasta ressalta que somente as ações da Prefeitura não são suficientes para conter o mosquito. Ele pondera que os principais criadouros do mosquito ainda estão dentro das residências e cada cidadão precisa se responsabilizar pela limpeza do próprio imóvel. “É preciso uma participação ativa da comunidade”, destaca.

Em 2016, Uberaba totalizou 2.218 casos confirmados de dengue e 11 mortes. O número ultrapassou a quantidade registrada em 2015, que teve 1.293 diagnósticos positivos da doença e apenas cinco óbitos.

Leia mais:
De 14 regiões avaliadas apenas duas têm índice considerado satisfatório



OUTRAS NOTCIAS


Dvida da Unio com Minas Gerais da Lei Kandir chega a R$ 135 bilhes (19/11)
Cmara de BH debate proibio da ideologia de gnero na grade curricular (19/11)
Fundao seleciona empresa para dar manuteno em relgio da Jorge Frange (19/11)
Prefeitura inicia licitao para a compra dos tnis escolares (19/11)
Petrobras responde questionamento do MPF sobre leilo da planta de amnia (19/11)
Peemedebistas elegem nova direo municipal durante pelito tranquilo (19/11)
Farmcia Bsica tem falta de 18% e remdios de mandados atrasam (19/11)
No-repasse dos consignados gera protestos de servidores (18/11)
Gasmig volta a falar em gasoduto de Queluzito para a fbrica de amnia (18/11)
Codiub vai contratar sistema que faz o georreferenciamento (18/11)
Comisso de Meio Ambiente do Legislativo cobra a volta do projeto Cidade Limpa (18/11)
Associao dos aposentados da PMU faz reunio para discutir os atrasos (18/11)
Codau anuncia reajuste de 4,4% na tarifa de gua em janeiro (18/11)
Operao Cadeia Velha: Picciani deixa priso, mas tm bens bloqueados pelo TRF2 (18/11)
Cmara homenageia jornalistas pelos 20 anos de formatura em evento hoje (17/11)
Piau faz palestra para alunos ps-graduandos em Viosa (17/11)
Pela 1 vez, Montes diz que votar contra a reforma da Previdncia (17/11)
Ministro da Justia formaliza repasse para segurana de Uberaba (17/11)
Leilo de aparelhos da planta de amnia remarcado para janeiro (17/11)
Cemig paga R$ 588 milhes ao governo mineiro e pode ajudar no 13 dos servidores (17/11)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
A pouco mais de dois meses antes do fim do prazo, cerca de metade dos uberabenses ainda no fez o cadastramento biomtrico. Quem no realizar o procedimento ter o ttulo cancelado. Voc j fez o seu?





JM FORUM
Com a aproximao da Black Friday (24/11), muitas empresas esto divulgando descontos para atrair os consumidores. Como voc pretende aproveitar as oportunidades?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017