Publicidade
Rádio JM
Canais Facebook Twitter RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLÍTICA
Tamanho do texto: A A A A
Renata Gomide - 04/03/2014

Legislação pode mudar para dar desconto de 50% a assentos extras

Compartilhar:

Mal entrou em vigor no Estado, a Lei 21.121/14, que assegura a gratuidade a idosos e deficientes nos ônibus intermunicipais de transporte coletivo de passageiros, poderá ser alterada. A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) analisa proposta que prevê o pagamento da passagem com desconto aos que não conseguirem se beneficiar das vagas gratuitas nos veículos, as quais têm que ser reservadas.

Projeto de Lei 4.933/2014, da deputada estadual Ana Maria Resende (PSDB), que foi anexado ao PL 331/2011 do deputado Elismar Prado (PT) – porque tratam do mesmo tema –, acresce o parágrafo 2° ao artigo 1º da Lei 21.121/14, que passará a vigorar com a seguinte redação: “Os idosos que excederem as vagas gratuitas, com renda individual inferior a dois salários mínimos, terão o desconto de 50%, no mínimo, no valor das passagens”.

Para tanto, prossegue o texto, será necessário solicitar a reserva do assento à empresa com, no mínimo, três horas de antecedência do horário previsto de partida do veículo.

A deputada sustenta sua proposta no Estatuto do Idoso (Lei nº 10.741/2003), no Decreto nº 5.934/2006, e na Resolução ANTT nº 1.692/2006. “A medida visa a adequar nossa legislação estadual à federal e ampliar a atenção ao idoso, melhorando a sua qualidade de vida, garantindo-lhe o acesso gratuito ou o desconto de 50% no serviço intermunicipal de transporte coletivo de passageiros”, justifica Ana Maria.



OUTRAS NOTÍCIAS


Educadores têm compromisso extraclasse em 2015 (16/09)
Luciene confirma que se mantém na disputa (16/09)
Paulo Piau descarta racionamento, mas considera situação grave (16/09)
Meio Ambiente desenvolve estudos para avaliar novas fontes (16/09)
Nível do rio Uberaba faz vereador pedir a decretação de emergência (16/09)
Ripposati cobra atenção do Executivo com as solicitações feitas por vereadores (15/09)
Afrânio quer acabar com discussão, depois de pedido de vista em projetos (15/09)
TAC de recuperação de ecoponto do Volta Grande não é cumprido (15/09)
Lei estadual de incentivo à cultura recebe projetos até dia 8 de outubro (15/09)
Produtores rurais preparam demandas a serem apresentadas aos candidatos (15/09)
Movimento na Supram atrasa licenciamento do Anel Viário (15/09)
RMTM tem resistência no governo, avalia Piau (14/09)
CGM vai processar envolvidos na farra dos plantões (14/09)
Piau diz que revisão da planta que aumentará IPTU é exigência legal (14/09)
Ausente da disputa, ex-prefeito vai se dedicar às campanhas do PT (14/09)
Condenação por fraude em processo seletivo tornou AA inelegível (14/09)
Sem vencer problemas jurídicos, Anderson está fora da eleição (14/09)
Projeto para recursos da Lei Rouanet é elaborado (13/09)
Consultoria apresenta estudo sobre PPP para manutenção das escolas (13/09)
Secretário pede áreas federais para minidistritos (13/09)




Lateral superir Giovanna
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
r�dio

Banner blog mais bella
ENQUETE
Na sua opinião, a saída do ex-prefeito Anderson Adauto do processo eleitoral deste ano:





JM FORUM
No JM o prefeito Paulo Piau disse que a atualização da tabela que reflete a valorização ou desvalorização do metro quadrado nos diversos bairros da cidade vai abalizar o IPTU para 2015. Na sua opinião, qual deveria ser o índice máximo de correção do imposto?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2014
CMIDIA