Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Renata Gomide - 04/03/2014

Legislao pode mudar para dar desconto de 50% a assentos extras

Compartilhar:

Mal entrou em vigor no Estado, a Lei 21.121/14, que assegura a gratuidade a idosos e deficientes nos ônibus intermunicipais de transporte coletivo de passageiros, poderá ser alterada. A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) analisa proposta que prevê o pagamento da passagem com desconto aos que não conseguirem se beneficiar das vagas gratuitas nos veículos, as quais têm que ser reservadas.

Projeto de Lei 4.933/2014, da deputada estadual Ana Maria Resende (PSDB), que foi anexado ao PL 331/2011 do deputado Elismar Prado (PT) – porque tratam do mesmo tema –, acresce o parágrafo 2° ao artigo 1º da Lei 21.121/14, que passará a vigorar com a seguinte redação: “Os idosos que excederem as vagas gratuitas, com renda individual inferior a dois salários mínimos, terão o desconto de 50%, no mínimo, no valor das passagens”.

Para tanto, prossegue o texto, será necessário solicitar a reserva do assento à empresa com, no mínimo, três horas de antecedência do horário previsto de partida do veículo.

A deputada sustenta sua proposta no Estatuto do Idoso (Lei nº 10.741/2003), no Decreto nº 5.934/2006, e na Resolução ANTT nº 1.692/2006. “A medida visa a adequar nossa legislação estadual à federal e ampliar a atenção ao idoso, melhorando a sua qualidade de vida, garantindo-lhe o acesso gratuito ou o desconto de 50% no serviço intermunicipal de transporte coletivo de passageiros”, justifica Ana Maria.



OUTRAS NOTCIAS


Montes articula contrapartida ao PSD junto a candidatos presidncia da Cmara Federal (19/01)
Vereadores da nova legislatura j podem protocolar projetos (19/01)
PR no descarta trocar apoio na Cmara por cargo no primeiro escalo de Piau (19/01)
Com infestao do Aedes em alerta, motofogs so acionados no combate (19/01)
Estado libera 5 mil doses de vacina contra a febre amarela para a cidade (19/01)
Concursados cobram agilidade na convocao durante protesto (19/01)
Reunio da bancada do PR na CMU com deputado deve definir sobre a liderana (18/01)
Assembleia atua junto com o governo para orientar populao sobre surto de febre amarela (18/01)
MP aguarda posio da Justia sobre contratos na Prefeitura (18/01)
Com procura em alta comea a faltar vacina da febre amarela (18/01)
Aprovados organizam ato para pedir mais agilidade nas nomeaes (18/01)
Falta de profissionais persiste nas Unidades Bsicas de Sade (18/01)
Concursados realizam manifesto e conseguem reunio com secretrio de Administrao (18/01)
Compra de cadeiras de rodas para Adefu pode facilitar aproximao do PR a Piau (17/01)
PR e PMDB lideram nmero de eleitos nos quatro ltimos pleitos para a CMU (17/01)
Cmara Municipal define calendrio de fevereiro e comisses permanentes (17/01)
PMU faz licitao para concluir processo dos agentes de zoonoses (17/01)
De 110 convocados, 104 assinam termo de posse para atuar em escolas (17/01)
Concursados questionam renovao de contratos para braal (17/01)
Expulso de servidores federais a maior nos ltimos 14 anos (16/01)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Concluso das obras do sistema BRT Sudeste/Sudoeste foi novamente adiada e, segundo previso da administrao, ser em junho. Na sua opinio, o sistema funcionar ainda este ano?






JM FORUM
Anvisa liberou recentemente o registro e a comercializao do primeiro medicamento com princpios ativos derivados da maconha. Qual sua opinio sobre o uso da droga em tratamentos de doenas psiquitricas ou neurodegenerativas?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017