JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 23 de abril de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Sindicato flagra servidores sem equipamentos de proteção

Os funcionários do Horto Municipal foram encontrados sem itens básicos como botinas, óculos de proteção e até mesmo luvas

- Por Gisele Barcelos Última atualização: 17/01/2018 - 07:15:50.

Arquivo


Segundo Luís Carlos, os funcionários atuam em funções com risco de acidentes

Sindicalistas denunciam falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para servidores do Horto Municipal. A situação foi constatada em visita ao setor na última semana. Os funcionários foram encontrados sem itens básicos como botinas, óculos de proteção e até mesmo luvas.

Ofício foi protocolado pelo SSPMU (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais) para cobrar da Prefeitura a compra dos equipamentos. No documento, o líder sindical Luís Carlos dos Santos posiciona que os funcionários atuam em funções com alto risco de acidentes e a ausência dos EPIs pode ser prejudicial aos servidores. “Promover o mínimo de proteção e segurança no local de trabalho é a melhor solução para que não tenhamos servidores mutilados no exercício do trabalho”, ressalta. Além de solicitar providências para a compra dos equipamentos, o sindicalista também pediu ao governo municipal um relatório com os acidentes de trabalho registrados nos últimos três anos com servidores do Horto Municipal e da Usina de Asfalto.

Em nota, a assessoria de imprensa da Prefeitura confirmou a falta dos equipamentos, mas posicionou que processo licitatório já foi concluído para regularizar o fornecimento dos EPIs. O departamento informa que oito empresas assinaram contrato com a administração municipal para atender à demanda de sete secretarias. Quanto à previsão para a entrega dos equipamentos, a assessoria não especificou data. O texto acrescenta que a Secretaria de Administração aguarda apenas a dotação orçamentária de 2018 para realizar o empenho de recursos para efetivar a compra. “Após o empenho, as empresas começam a entregar o material e a reposição do mesmo será feita o mais rápido possível”, finaliza.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia