JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 12 de novembro de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Governo de Minas desmarca reunião para tratar do 13º do funcionalismo

O encontro havia sido marcado pelo Executivo antes do 1º turno das eleições para discutir o cronograma de pagamento

22/10/2018 - 22:57:29. - Por Gisele Barcelos Última atualização: 22/10/2018 - 22:58:25.

Governo de Minas adiou reunião ontem com servidores para tratar do 13º salário. O encontro havia sido marcado pelo Executivo antes do primeiro turno das eleições para discutir o cronograma de pagamento. A situação volta a trazer insegurança e possível atrasos para o depósito do benefício. 

Após o resultado do dia 7 de outubro e o governador Fernando Pimentel (PT) fora do segundo turno das eleições em Minas, o Executivo desmarcou a reunião que seria ontem com o comitê de representantes do funcionalismo para tratar do 13º salário. Sem dar justificativas, o governo mineiro também não informou uma nova data para o encontro. Em resposta ao jornal O Estado de Minas, a Secretaria de Estado da Fazenda informou apenas que “a reunião foi adiada, com nova data a ser definida”.

No início de outubro, o secretário estadual de Governo em exercício, Francisco Eduardo Moreira, havia manifestado que não existia hipótese de os servidores não terem as folhas de pagamento de novembro e dezembro quitadas. O titular da pasta também garantiu que o 13º salário do funcionalismo será pago, mas não especificou se será feito parcelamento. 

Em 2017, o benefício foi pago em duas parcelas para os servidores da segurança pública e os da Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig) e em quatro para os profissionais da educação e demais áreas. A última parcela foi liberada em abril deste ano.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia