Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Gisele Barcelos - 13/03/2018

Sindemu diz que municpio recuou em acordo de 2017 com educadores infantis

Compartilhar:

Em meio a processo de negociação salarial para 2018, embate entre Sindemu (Sindicato dos Educadores de Município de Uberaba) e a Prefeitura reverberou nas redes sociais na última semana. Sindicalistas afirmaram que o Executivo havia recuado de acordo firmado no ano passado para transformar os educadores infantis em professores de educação infantil.

De acordo com o presidente do Sindemu, Bruno Ferreira, a administração municipal recuou da criação do novo cargo porque a categoria não aprovou em assembleia modificações na carga horária do professor de educação básica das séries iniciais. O sindicalista questiona a situação e argumenta que a proposta encaminhada pela Prefeitura não condicionava a mudança na carreira de educador infantil à aprovação dos demais itens. “Em momento nenhum o Executivo expressou que seria um pacote fechado. A análise e a resposta foram dadas a cada item”, declara.

Segundo o líder sindical, as modificações na carga horária dos professores de educação básica das séries iniciais foi item contestado na última assembleia. “Foi a assembleia que rejeitou. Não foi o sindicato.” Ferreira afirma que o departamento jurídico do sindicato foi acionado e estuda providências a serem adotadas para garantir o cumprimento do acordo, com a transformação do educador infantil em professor de educação básica infantil. Questionado sobre risco de paralisação das atividades, ele declara que a intenção é tentar um consenso pelo diálogo com o governo municipal.



OUTRAS NOTCIAS


Situao do setor sucroenergtico debatida em audincia na ALMG (19/06)
4 projetos do Executivo votados e aprovados na sesso da Cmara (19/06)
Chapa derrotada na UFTM questiona eleio na PF e no MP Federal (19/06)
Supam pode fechar as portas por atraso nos repasses do Estado (19/06)
Justia condena empresrios por desvios na reeleio de Azeredo (19/06)
Cosip vence nesta quarta-feira e Finanas diz que prazo no ser prorrogado (19/06)
Projeto que garante recursos para bloqueador de celular em presdios est na pauta da CCT (19/06)
MP do Ministrio da Segurana aprovada no Senado e vai sano (19/06)
Garotinho condenado a prestar servios comunidade (19/06)
STF julga hoje ao penal contra Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo (19/06)
Comisso analisa a regulao do setor de defensivos fitossanitrios nesta tera (19/06)
TJ reverte liminar do TCE que suspendeu operao financeira do governo de Minas (18/06)
Marcos Valrio e scios so condenados priso no mensalo tucano (18/06)
Temer participa da Cpula do Mercosul em Assuno (18/06)
Copa do Mundo altera rotina de comisses e de visitas no Congresso (18/06)
Cmara garante material de escritrio at o fim do ano (18/06)
Assembleia Legislativa derruba vetos do governador Fernando Pimentel (18/06)
Legislativo retoma sesses nesta segunda, com 7 projetos em pauta (18/06)
Cohagra aciona MP contra empresa por no cumprir contratos de construo de muros (17/06)
Estado faz esquema de conta-gotas para pagar funcionalismo (17/06)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Na sua opinio, como deveriam ficar os direitos polticos de parlamentares presos?





JM FORUM
A Lei Seca completou dez anos em junho. Na sua opinio, temos o que comemorar?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018