JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 23 de abril de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Reforma administrativa em Minas deve ter fusão de Turismo e Cultura

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, anunciou ontem que pretende fazer a fusão das secretarias de Cultura e de Turismo

18/01/2019 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, anunciou ontem que pretende fazer a fusão das secretarias de Cultura e de Turismo. A união das duas pastas depende, entretanto, de aprovação das propostas de reforma administrativa a serem enviadas pelo Governo à Assembleia Legislativa. 

Inicialmente, havia a previsão de que a Cultura fosse integrada à Secretaria de Educação e que o Turismo entrasse na estrutura do Desenvolvimento Econômico, mas a proposta foi descartada. “Ouvimos os setores e chegamos à conclusão que será mais viável até economicamente termos a junção de duas vocações do nosso Estado: turismo e cultura. São áreas que vamos fomentar em conjunto para gerarem ainda mais empregos e renda”, justificou o governador.

A união das pastas de Cultura e Turismo depende, entretanto, da aprovação das propostas de reforma administrativa a serem enviadas pelo Governo à Assembleia Legislativa.

Em nota, o governador posicionou que ainda não há nome definido para ocupar a nova pasta e o processo de seleção seguirá a forma de recrutamento por empresa de recursos humanos, assim como foram feitas para as outras secretarias. Por enquanto, o vice-governador, Paulo Brant, responde por duas secretarias, de forma ainda separada na estrutura administrativa.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia