Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Gisele Barcelos - 08/02/2018

Apesar de parecer contrrio, vereadores mantm o veto s cmeras nas escolas

Compartilhar:

Apesar de parecer pela derrubada do veto, Câmara Municipal manteve impedimento do Executivo ao projeto de lei que tornaria obrigatória a instalação de câmeras de monitoramento de segurança nas escolas públicas municipais. Quatro vereadores se manifestaram pela derrubada do veto, mas era necessário o mínimo de oito para aprovar a medida.

O Poder Executivo argumentou que a proposta de autoria do vereador Samuel Pereira (PR) era inconstitucional porque gera despesa sem a previsão de receita e somente poderia ser apresentado pela Prefeitura. Já a Comissão de Justiça, Legislação e Redação da Câmara apresentou ontem parecer defendendo que a matéria é constitucional e recomendou que o veto fosse derrubado em plenário.

Em meio ao debate em plenário, o líder do prefeito, vereador Almir Silva (PR), argumentou que a Prefeitura está instalando gradativamente as câmeras nas escolas. Segundo ele, 27 unidades já contam com o sistema de videomonitoramento. O parlamentar ainda defendeu a manutenção do veto, justificando que o investimento total está orçado em R$ 1 milhão e a administração municipal não possui recursos financeiros para fazer a instalação das câmeras de uma vez. “No momento, a administração vê outras prioridades, como alimentação escolar e compra de uniforme”, disse.

Houve posicionamentos contrários, como o do vereador Ismar Marão (PSD). Ele disse que o veto à instalação das câmeras está na contramão dos objetivos da cidade, que luta por mais segurança.

O autor do projeto, entretanto, acatou o veto e pediu aos demais para votarem pela manutenção. Ele justificou que a decisão foi para evitar possível Ação Direta de Inconstitucionalidade por parte do Executivo, o que iria retardar a instalação dos equipamentos. Além disso, Samuel manifestou que teve a garantia do prefeito Paulo Piau e da secretária municipal de Educação, Silvana Elias, do envio de projeto com o mesmo conteúdo à Câmara Municipal ainda este ano.

Mesmo com o posicionamento de Samuel, os vereadores Agnaldo Silva (PSD), Ismar Marão, Luiz Dutra (PMDB) e Fernando Mendes (PTB) votaram pela derrubada do veto. Os demais parlamentares votaram pela manutenção. Apesar da divisão, não houve embates durante a votação em plenário. (GB)

 



OUTRAS NOTCIAS


Educadores do Municpio realizam assembleia na prxima sexta-feira (20/02)
Congresso Nacional deve votar auxlio a estados e municpios (20/02)
Governador Pimentel acena com o fim do escalonamento de salrios em abril (20/02)
PM de Minas monitora possvel migrao de criminosos do Rio (20/02)
Congresso suspende a tramitao das emendas constitucionais (20/02)
PTB desiste da indicao de Cristiane Brasil para o Ministrio do Trabalho (20/02)
Habeas Corpus do STF poder beneficiar mulheres presas em todo o pas (20/02)
PGR se manifesta contra recurso de Lula no Supremo (20/02)
Luislinda Valois deixa Ministrio dos Direitos Humanos (20/02)
Curso do Parlamento Jovem (20/02)
Cmara aprova decreto de interveno no Rio; senadores votam medida nesta tera (20/02)
Honorrios pagos a advogados pblicos entram na mira do Tribunal de Contas (19/02)
Governo mineiro planeja aes contra entrada de criminosos aps interveno no Rio (19/02)
Aps interveno no RJ, Temer determina envio de fora-tarefa policial ao Cear (19/02)
Cmara vota hoje decreto da interveno federal no Rio (19/02)
Parlamento Jovem abordar a violncia contra a mulher e polos tero autonomia (19/02)
Oposio quer comisso para acertar dvidas entre Estado e municpios (19/02)
Aps cobranas, uniformes de agentes de combate a endemias devem ser comprados (19/02)
Projeto estabelece mximo de 2 anos para TCE analisar contas (19/02)
Encerrada licitao para auditoria que vai levantar sade financeira do Ipserv (19/02)




San Marco - 9fev
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
RIVER AUTOPEAS
SINTONIZE

ENQUETE
Apesar de a PMU descartar surto de meningite na cidade, h aumento significativo no nmero de casos. A vacinao a forma mais eficaz de preveno. Voc est com a imunizao em dia?







JM FORUM
Aps pedidos de moradores e vereadores, o albergue municipal vai se mudar do Boa Vista para a av. Orlando R. Cunha. Na sua opinio, a mudana positiva?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018