JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 23 de outubro de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

ARTICULISTAS

Controlando a ansiedade

Ultimamente, tenho conversado com muitas pessoas que me relatam sobre a sua dificuldade de dormir e de relaxar. O que percebo é que esse problema está ficando cada vez mais comum

- Por Eliana Barbosa Última atualização: 20/11/2009 - 21:14:32.

Ultimamente, tenho conversado com muitas pessoas que me relatam sobre a sua dificuldade de dormir e de relaxar. O que percebo é que esse problema está ficando cada vez mais comum, independente da faixa etária ou da condição socioeconômica. E a insônia é uma das mais fortes manifestações da ansiedade – essa sensação de angústia ou de incerteza aflitiva.

A ansiedade é um sentimento relacionado ao futuro que lhe rouba a energia necessária para viver o presente em sua plenitude. Ao estar ansioso, você fica dividido entre não valorizar o que está vivendo no presente e colocar foco no que pode lhe acontecer no futuro. Dessa forma, você não consegue ser grato por dádivas que chegam e fica preocupado com o que o porvir lhe reserva. Saiba que ansiedade é medo e medo é falta de fé – em Deus, em você mesmo e na Humanidade.

Por isso, se você tem tido problemas em relação ao sono ou mesmo em relação à comida, procure fazer um mergulho no seu “eu” interior e descubra porque tanto medo e como fazer para ampliar a sua autoconfiança e a sua crença nesse Poder Infinito que lhe cobre de bênçãos. E, diante de tantas decepções por confiar em pessoas que não mereceram sua confiança, jamais perca a fé nos seres humanos. Mesmo que você tenha sofrido as dores do desapontamento, saiba que esses indivíduos ingratos e traiçoeiros que passaram por sua vida foram importantes para o seu amadurecimento emocional e para que você aprenda a escolher melhor aqueles que realmente merecem estar ao seu lado.

Existem muitos meios de manter um controle sobre a ansiedade, tais como cantar, fazer exercícios físicos, dançar, fazer relaxamento com meditação (principalmente na hora de dormir) etc., bem como algumas mudanças de atitude -  parar de querer mudar os outros, respeitar o tempo de cada pessoa acordar para a vida, não se deixar envolver pelos problemas que não dependem de você para resolver, perdoar a si e aos outros, e orar muito por aqueles que lhe causam preocupação. Não há maneira mais eficaz de combater a ansiedade do que expandir a própria fé e, nesse campo, aprendi o seguinte: visualize a pessoa que mais lhe preocupa como um bebezinho mexendo seus braços e perninhas, e você o entregando nos braços do Cristo. É uma visualização de grande poder porque ao ver aquela pessoa complicada como um bebê, você desperta em si próprio sentimentos de generosidade e compaixão, tão importantes nessa hora.

Pense bem: de que adianta perder noites de sono se a incerteza faz parte do viver de cada um de nós? Como disse o filósofo alemão Immanuel Kant (1724-1804),  “A inteligência de um homem é medida pela quantidade de incertezas que ele pode suportar”. Portanto, aceite as naturais inseguranças da sua existência e atenção: o mundo não vai mudar só porque você precisa ficar menos ansioso, dormir melhor ou ter mais saúde; é você quem tem que mudar e assumir as rédeas de sua vida, hoje, agora!

 

(*) palestrante; apresentadora de TV e rádio e  autora de livros motivacionais
 
www.elianabarbosa.com.br

Leia mais