Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
ARTICULISTAS
Tamanho do texto: A A A A
Dom Paulo Mendes Peixoto - 14/05/2016

Alegria do amor

Compartilhar:

Em tempo de Pentecostes, da presença do Espírito Santo como dom de Deus para a vida do mundo, o Papa Francisco publica mais um documento, uma exortação apostólica pós-sinodal, com o título de “Amoris Laetitia”, sobre o amor na família. É esforço de colocar nas mãos das pessoas os frutos colhidos das discussões que aconteceram durante a realização dos dois Sínodos sobre a família.

Muitos pentecostes já aconteceram na história dos povos. Era a festa da colheita entre os israelitas, momento de muita alegria e de ação de graças, porque simbolizava fartura. Para a liturgia da Igreja, simboliza a descida do Espírito Santo na vida da Igreja. A exortação “alegria do amor” é também expressão de pentecostes para o entendimento da família dentro da nova cultura.

A Igreja tem sentido que vivemos um novo momento do Espírito. Muitas iniciativas estão surgindo, novo modo de ser cristão, trazendo um clima de esperança para um mundo novo. É um novo sopro de vida para alimentar a nova cultura tão desgastada pela mentalidade vazia dos princípios do Evangelho. Espírito que abre os corações para compromissos mais coerentes com a vida cristã.

O Brasil clama por um novo pentecostes. O clima não está bom no cenário nacional. Infelizmente, chegamos ao mais profundo do poço. Conforme o livro dos Atos dos Apóstolos, a vinda do Espírito Santo foi o início de novos tempos para a cultura de Israel. É o que se espera do momento brasileiro, fazendo da crise, institucionalizada, uma reviravolta na condução do país de forma honesta.

Pentecostes marca o início de uma nova criação, renovada todo ano no período pascal. Desta vez enriquecida com a atuação do Papa Francisco, legando para toda a sociedade seu modo de ser e suas palavras contidas nos últimos documentos pontifícios. Evangelii Gaudium, Laudato Si, agora a Exortação Amoris Laetitia enriquecem a literatura católica para refletir sobre a história moderna.

O povo brasileiro está enfrentando uma forte tempestade. Foi o que aconteceu com os apóstolos no Mar da Galileia, quando Jesus aparece sobre as águas e é visto como um fantasma. Essa realidade não está sendo repetida no país? Se o deus dinheiro/poder domina a prática das pessoas, o Deus verdadeiro tem sido visto como mero fantasma, e não Aquele que orienta o percurso da política. 

(*) Arcebispo de Uberaba




San Marco - 16maio
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Voc concorda com a alterao do horrio de funcionamento de estabelecimentos comerciais e at mesmo da Prefeitura em decorrncia dos jogos da Seleo na Copa do Mundo?





JM FORUM
Voc acredita na briga de faces criminosas como motivao para as recorrentes mortes de detentos na penitenciria de Uberaba?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018