Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
ARTICULISTAS
Tamanho do texto: A A A A
Dom Paulo Mendes Peixoto - 10/10/2015

Vida sbia

Compartilhar:

Quem conduz a própria vida com sabedoria tem o maior de todos os tesouros e a mestra de todos os bens da natureza. Mas é preciso saber que tipo de sabedoria está sendo praticada. Não é sábio quem direciona tudo para fins egoístas e particulares. A verdadeira sabedoria está na capacidade de doação, de saída de si mesmo, de ida ao encontro do outro, principalmente mais necessitado de ajuda.

A verdadeira sabedoria é um dom marcado por gratuidade e generosidade, muito diferente das atuais ideologias de dominação e de perseguição, práticas muito comuns na cultura secularizada. O sábio consegue entender a grandeza das coisas e as respeita nas suas reais condições. Ele sabe dignificar as pessoas, a natureza e todos os bens que a compõem, para realizar seus objetivos.

É sábio quem coloca sua confiança em Deus, consegue ter despojamento e sabe valorizar a sabedoria que está, também, e principalmente, fora de si mesmo. Consegue entender que a raiz da sabedoria está na justiça e na verdade. Portanto, tem fundamentação bíblica e solidez na Palavra de Deus. Outro tipo de sabedoria não passa de prática estéril e contribui pouco com o bem comum.

A sabedoria está contida nos dons de Deus. O profeta Isaías fala do “dom da sabedoria” (Is 11,2), que dá sabor, conhecimento e possibilita a pessoa orientar sua vida seguindo os princípios de Deus. Orienta suas relações com os bens materiais, não deixando que as relações sejam vazias e prejudiciais para a vida.

A sociedade é interpelada quanto aos dissabores intestinos, que têm sido muito comuns no seu caminho, causando sofrimentos, insatisfações e revoltas. Muitas pessoas não estão sendo sábias diante de tantas oportunidades que as cercam. Canalizam suas forças para práticas insensatas e destruidoras.

Talvez o jeito sábio da pessoa viver esteja na capacidade de não se deixar escravizar pelo dinheiro. Ele é necessário, mas não representa a sabedoria essencial para uma vida feliz. A pessoa sábia é aquela que se esforça para fazer o bem sempre e em todo lugar.

Dom Paulo Mendes Peixoto
(*) Arcebispo de Uberaba




San Marco - 16maio
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Voc concorda com a alterao do horrio de funcionamento de estabelecimentos comerciais e at mesmo da Prefeitura em decorrncia dos jogos da Seleo na Copa do Mundo?





JM FORUM
Voc acredita na briga de faces criminosas como motivao para as recorrentes mortes de detentos na penitenciria de Uberaba?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018