Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
ARTICULISTAS
Tamanho do texto: A A A A
Dom Paulo Mendes Peixoto - 15/08/2015

Um grande sinal

Compartilhar:

O mundo tem suas marcas, seus sinais, como sinais dos tempos, que precisam ser bem entendidos e interpretados. No Apocalipse fala de um “grande sinal” que apareceu no céu. Sinal sem identidade, chamado apenas de “mulher”. Ela é adornada pelos astros e como figura central de toda criação. Aparece também a figura de um “dragão”, adornado pelo poder humano, simbolizando as forças da terra (AP. 11.12).

O momento brasileiro parece apontar, através de fatos e sinais, para grandes dificuldades na economia, na política, nas questões sociais e religiosas. Os escândalos públicos evidenciam uma insatisfação na população, sinal de que as coisas não vão bem. Há uma insegurança em relação à política e aos políticos, política que se transforma em politicagem e cabide de emprego para os carreiristas.

Falta um sinal concreto que seja capaz de levantar a autoestima do brasileiro. Estamos vivendo uma crise de lideranças comprometidas com o povo, e confiáveis. Será que essas pessoas não nasceram, ou, se existem, foram contaminadas pelo clima de secularização antiética e amoral em relação à condição e administração da coisa pública?

O sinal de Deus vem sendo muito esquecido, a não ser nos momentos de extrema necessidade. O mal domina o coração e a mente de muita gente. O que pensa a juventude de hoje? Que idealismo de futuro domina seu pensamento? Agosto, para os católicos, é mês vocacional, convite aos jovens para refletir sua realização de vida, passando por compromisso sério consigo mesmos.

Não podemos nos conformar com esperanças vãs, porque nossa fé não é inútil. Deus é segurança e firmeza para quem O procura com sinceridade. Ele é o grande sinal de vida plena e feliz. Fé transformada em gestos concretos de amor e de caridade para com o próximo mais necessitado.

Na Igreja temos os religiosos e as religiosas, como sinais na sociedade, pessoas que se apresentam comprometidas com uma causa voltada para a construção de um mundo melhor. Deixaram tudo para ter tudo. Chamamos a isso de vocação, de escolha de vida de doação à causa do Reino de Deus. 

(*) Arcebispo de Uberaba




San Marco - 16maio
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Voc concorda com a alterao do horrio de funcionamento de estabelecimentos comerciais e at mesmo da Prefeitura em decorrncia dos jogos da Seleo na Copa do Mundo?





JM FORUM
Voc acredita na briga de faces criminosas como motivao para as recorrentes mortes de detentos na penitenciria de Uberaba?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018