JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 22 de outubro de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Carnaval tem avaliação positiva e FCU já tenta recursos para 2019

Com recursos do Ministério do Turismo, evento foi avaliado por técnicos que poderão garantir verba maior para o evento do próximo ano

- Por Geórgia Santos Última atualização: 14/02/2018 - 07:00:46.

Ruth Gobbo


Recinto do carnaval no Ciclo Park teve lotação máxima na noite de segunda-feira com a apresentação do Grupo Sambô

Fundação Cultural de Uberaba faz avaliação positiva do evento de carnaval e já começa a planejar para 2019. O evento que aconteceu no Ciclo Park, contou com apoio do Ministério do Turismo, e durante as quatro noites de folia os fiscais do governo federal estiveram presente. A expectativa é de que no próximo ano seja liberado valor maior de recursos.

Conforme a programação, foram realizadas atividades de carnaval em vários pontos da cidade. As atrações no Ciclo Park, próximo ao Fórum,  começaram no dia 10 de fevereiro e terminaram nesta terça-feira, 13 de fevereiro. Em Ponte Alta, a folia aconteceu nos dias 10 e 11 de fevereiro. Ontem (13) teve matinê para as crianças, no Uberaba Tênis Clube (UTC).

“No Ciclo Park não tivemos problemas, foi um evento tranquilo, com foliões de várias idades, crianças, jovens e adultos. Foi um sucesso. Por isso já vamos começar a trabalhar o carnaval de 2019. Os fiscais do Ministério do Turismo acompanharam os dias do nosso carnaval, examinando tudo, e já estamos aptos para conseguir verba maior no próximo ano”, explica o presidente da Fundação Cultural de Uberaba, Antônio Carlos Marques.

Antônio Carlos destaca que o número de pessoas que participaram do evento chamou a atenção. Em média, foram 5 mil pessoas por dia, e na segunda-feira (12), quando teve a apresentação da Grupo Sambô, cerca de 10 mil pessoas estiveram no local. “Ainda não temos o público oficial, mas o Ciclo Park ficou lotado, foi possível avistar foliões em toda extensão da avenida dos Advogados até a avenida Pedro Salomão”, afirma o presidente. Durante o evento desta segunda-feira, chegou a ser anunciada a lotação total do recinto, e foi preciso suspender a entrada de foliões.

Sendo assim, e diante dos transtornos causados às pessoas que moram próximo ao Ciclo Park, o presidente da FCU admite que o evento pode ser realizado em outro local no próximo ano. “Vamos estudar outro local, ou vamos investir no Centro Parque, que é local adequado para isso”, afirma.
Nos demais locais em que foi realizado o carnaval, Antônio Carlos também fez avaliação positiva, como no bairro rural de Ponte Alta, que foi um sucesso, com a participação de toda a comunidade.
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia