JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 16 de dezembro de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Ipsemg diz que mantém convênios de atendimento vigentes

Apesar de denúncias de que hospital suspendeu a assistência, órgão afirma que ele apenas reduziu o fluxo e recebe apenas casos eletivos

- Por Thassiana Macedo Última atualização: 25/03/2015 - 07:52:42.

Foto: Divulgação

Embora servidores estaduais de Uberaba sejam informados de que o Hospital São José suspendeu o atendimento via Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg), o órgão afirma que o hospital reduziu o fluxo de atendimento, recebendo apenas procedimentos eletivos, marcados previamente. No entanto, a conduta é considerada irregular e não está prevista no contrato de convênio.

Segundo a coordenadora do Sind-UTE em Uberaba, Maria Helena Gabriel, servidores estão sendo obrigados a procurar atendimento hospitalar em Uberlândia porque são negados pelo Hospital São José. Ela alerta que, apesar de a instituição recusar atendimento, o Ipsemg continua realizando desconto em folha. Maria Helena informa ainda que o sindicato já protocolou ação na Justiça solicitando que a situação seja resolvida, para evitar mais prejuízos aos servidores. Porém, o processo ainda está em análise.

O deputado estadual Tony Carlos se reuniu ontem com representantes do Ipsemg em Belo Horizonte e foi informado que três instituições de Uberaba estão conveniadas, sendo Hospital Dr. Hélio Angotti, especializado em câncer e outros procedimentos eletivos; o Hospital São Paulo, na área de oftalmologia, e o Hospital São José, cujo contrato vale até 2018. Entretanto, houve atraso nos repasses até novembro de 2014 e o hospital solicitou ao instituto a revisão da tabela de pagamento por procedimento. Como não houve mudança, a instituição comunicou a suspensão no atendimento a partir de 1º de janeiro deste ano, embora o São José continue atendendo de maneira eletiva.

Prova disso é que a instituição já encaminhou ao Ipsemg o faturamento dos meses de janeiro, no valor de R$106.881,84, o qual já foi processado e deve ser pago este mês, e também referente aos atendimentos de fevereiro, no valor de R$52.947,43, que ainda serão processados, com previsão de pagamento em abril. Ainda segundo o deputado, o objetivo do instituto é manter o convênio com a instituição hospitalar. Mesmo assim, também foi aberto um novo edital para conveniar mais hospitais em Uberaba.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia