Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Renata Mambrim - 18/08/2012

Operadoras de celular no podem mais cobrar chamadas que carem

Compartilhar:

As operadoras de telefonia móvel serão proibidas de cobrar pela segunda chamada, caso a primeira seja interrompida. Para evitar nova cobrança, o usuário terá de fazer outra chamada em no máximo dois minutos, do mesmo aparelho e para o mesmo destino. A mudança está na proposta de alteração do regulamento do Serviço Móvel Pessoal, aprovada no dia 15 deste mês pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A impossibilidade de cobrar por novas chamadas será válida caso a ligação caia por qualquer motivo [não só técnico], para todas as operadoras, para todos os planos disponíveis e tanto para chamadas para celular quanto para telefones fixos. A regra incidirá sobre as contas pré-pagas e pós-pagas.

Caso a regra não seja cumprida, as operadoras poderão pagar multa, sofrer processo administrativo por descumprimento de decisão, ressarcir o usuário em dobro ou fazer repasse a ser revertido a fundo de direitos difusos.

Na quinta-feira (16), a proposta passou por consulta pública, quando as empresas e a população se pronunciaram sobre a mudança. A consulta terá prazo de dez dias corridos. A Anatel espera que em um mês a nova regulamentação esteja em vigor.

A TIM Celular, operadora que mais apresentou problemas em Minas Gerais, por meio de nota, manifestou sua concordância com a proposta feita pela Agência. “A empresa buscará se antecipar, iniciando já na próxima semana o processo de implementação da nova solução em seis Estados da região Nordeste", disse o vice-presidente de Assuntos Regulatórios e Institucionais da TIM, Mario Girasole. A nota divulgada pela TIM informa ainda que a empresa “se propõe a estender além dos 120 segundos” o período para a realização de uma nova chamada após qualquer interrupção.



OUTRAS NOTCIAS


MST interdita BR-262 para protestar contra reintegrao em Juiz de Fora (13/12)
JT de Uberaba alcana mais de R$850 mil em acordos na 12 Semana de Conciliao (13/12)
Previso de safra da cana e da soja cresce; milho cai at 40% (13/12)
Carmelitas Missionrias completam 70 anos de presena no Brasil, dia 16 (13/12)
Comea hoje o horrio especial do comrcio de rua em Uberaba (13/12)
Com parcerias, Fundao elabora programao de Natal sem custos (13/12)
Homem que perde dente ao comer paoca com parafuso indenizado (12/12)
Biblioteca abre inscries para 40 vagas na colnia de frias em janeiro (12/12)
Designao de auxiliares de servios gerais da rede estadual ser dia 16 (12/12)
Aciu reelege Jos Peixoto para mais dois anos na presidncia (12/12)
Mais de 30 oportunidades de emprego esto disponveis em Uberaba nesta tera (12/12)
Manifestantes voltam a interditar BR-262; pista foi liberada por volta das 9h30 (12/12)
Programao de Natal da FCU ter incio nesta tera com exposio de artesanatos (12/12)
Preo do tomate oscila e volta a aumentar nesta semana (12/12)
Enfermeiros da rede passam por capacitao sobre doenas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti (12/12)
Irms Carmelitas Missionrias comemoram 70 anos de chegada ao Brasil (11/12)
Perodo de matrculas na rede estadual de ensino comea nesta segunda-feira (11/12)
Safra de vero est 100% plantada, segundo secretaria (11/12)
Prefeito e ex-presidentes da AME se renem para tratar sobre situao da entidade (11/12)
Codemig realiza plantio de espcies nativas em Arax (11/12)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Passaredo cancelou as operaes em Uberaba, pouco tempo aps anunciar novas rotas. Voc acredita que a cidade ser atendida por outra companhia area?






JM FORUM
A PMU est realizando a manuteno das principais vias atingidas pelas chuvas. Na sua opinio, onde mais falta ateno extra da equipe do #Multiao, projeto de manuteno viria da PMU?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017