JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 18 de julho de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Obra da cervejaria Petrópolis já abriu cerca de 400 empregos

Com 45 dias de obras, o serviço está na fase de terraplenagem e construção de galpões e existe expectativa de antecipação da inauguração

16/06/2019 - 00:00:00. - Por Luiz Gustavo Rezende Última atualização: 16/06/2019 - 17:58:47.

Foto/Divulgação


Área, à margem da BR-050, já está transformada em um grande canteiro de obras, com o serviço de terraplenagem na fase final

Com investimentos de R$800 milhões e anunciada como grande conquista para Uberaba, a instalação da fábrica da cervejaria Petrópolis está gerando, nesta fase inicial de implantação, cerca de 400 empregos diretos e estima-se mais de 1.000 indiretos. Até agora está sendo realizado trabalho de terraplenagem, construção de galpões e outras adequações de infraestrutura. José Renato Gomes, secretário de Desenvolvimento Econômico, em entrevista ao Jornal da Manhã, afirma que o andamento da obra está dentro do previsto e, caso não ocorra imprevisto, deverá ser concluída dentro do prazo, primeiro semestre de 2020. 

José Renato destaca que até agora a agilidade das atividades gerou otimismo nos investidores. “No primeiro mês foi a definição da área, no segundo, a liberação dos alvarás e início das obras”, lembra, ressaltando na sequência que a construção, de fato, está com pouco mais de um mês. “São cerca de 45 dias de obras, então, a instalação dessa fábrica está caminhando a passos largos”, destaca.

O secretário lembrou que os candidatos às vagas disponibilizadas estão sendo selecionados por meio do Sistema Nacional de Emprego (Sine) local. “Há uma valorização da cidade em termos globais, desde a seleção dos empregos diretos até a contratação de serviços maiores”, observa, ressaltando que os serviços de terraplenagem estão sendo efetuados pela construtora Nóbrega Pimenta e as estruturas metálicas estão a cargo da empresa Tecnaço.

Esta semana houve a instalação de uma fábrica de concreto no canteiro de obras para atender à grande demanda que a construção demandará. “Foi instalada uma usina de concreto porque é uma quantidade imensa que a construção irá necessitar”, afirma o secretário, revelando que pode haver surpresa de a obra ficar pronta antes do previsto. “Nós estamos otimistas e os investidores também, dependemos de alguns equipamentos que vêm do exterior, mas podemos ter liberação mais rápida através do nosso porto seco”, aponta, em tom otimista. 

A fábrica do Grupo Petrópolis produz as cervejas Itaipava (quinta mais consumida no Brasil), Crystal, Lokal, Petra, Black Princess e Brassaria Ampolis (que traz no rótulo o ex-comediante Mussum). Além delas, o grupo reproduz no Brasil a Weltenburger Kloster, cerveja de origem e patente alemã. O grupo produz, ainda, duas fórmulas de vodcas nomeadas Nordka e Blue Spirit Ice. A linha de produtos não alcoólicos tem o energético TNT Energy Drink, Magneto Energy Drink, refrigerantes It, Ironage isotônico e Água Mineral Petra.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia