JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 23 de fevereiro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Protocolo para processo seletivo para a Educação Infantil registra longa fila

Os primeiros concorrentes chegaram por volta de 4h da manhã de ontem na disputa por apenas duas vagas disponíveis

20/01/2019 - 00:00:00. - Por Luiz Gustavo Rezende

Sandro Neves

Para duas vagas na Educação Infantil, pelo menos 1,7 mil pessoas se inscreveram por meio do site

Candidatos ao processo seletivo para o cargo de educador infantil, da Secretaria Municipal de Educação (SME), enfrentaram longa espera para protocolar a documentação exigida pelo certame no Centro Administrativo Municipal. Os primeiros concorrentes chegaram por volta de 4h da manhã de ontem na disputa por apenas duas vagas disponíveis.

De acordo com um postulante, após a espera o processo foi rápido. “O atendimento até que não demorou, o problema é que começou tarde a atender a gente”, esclarece. Ele reclamou ainda sobre o valor pago na taxa de inscrição. “Eu paguei R$35 para sofrer isso e não tenho garantia nenhuma que vou ser contratado”, finaliza.

Outra pessoa que estava na fila reclamou que para o cargo de educador infantil não teve atendimento pela internet. “É um descaso colocar a gente para esperar desse tanto. Tinha cargo que podia entregar online e nós não”, explicou ela, revelando que para o cargo de coordenador pedagógico havia atendimento virtual.

Segundo Adriane Chistianne Inês, responsável pelo atendimento no Centro Administrativo, era esperada a presença de 1.700 pessoas que se inscreveram. O atendimento teve início às 9h, com encerramento previsto para as 15h. Porém, ela admitiu que o atendimento poderia sofrer dilatação até as 17h. Segundo Inês, 28 guichês foram organizados para receber o protocolo, incluindo uma unidade designada somente para portadores de necessidades especiais. A reportagem do Jornal da Manhã presenciou alguns atendimentos que duraram em média três minutos. O tempo variava de acordo com a documentação apresentada. 

Profissionais de outras cidades também concorreram. É o caso de Silvia Alves de Souza, que se deslocou de Delta. O candidato que for selecionado terá vencimentos de R$2.114, mais R$450 de vale-alimentação e plano de saúde, esclareceu ela.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia