JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 14 de agosto de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Quase 50 mil pessoas já se vacinaram contra a gripe até agora

Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba já aplicou 49.338 doses, até sexta-feira (18), na 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza

Última atualização: 20/05/2018 - 13:41:00.

Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba já aplicou 49.338 doses, até sexta-feira (18), na 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, segundo dados do Departamento de Vigilância Epidemiológica. Postos de vacinação com atendimento estendido até as 21h e vacinação itinerante colaboraram para que o município atingisse 55,60% do público-alvo da campanha. Nos bairros onde houve vacinação itinerante foram 500 doses aplicadas.

Robert Boaventura, diretor do Departamento de Vigilância Epidemiológica, explica que o objetivo era atingir bairros mais distantes, sem unidade de saúde, com sala de vacina disponível. “Tivemos um retorno positivo, uma procura boa e conseguimos contemplar os bairros que precisavam ainda esta semana, então, essa parte do trabalho já está concluída”, relata Boaventura. Na próxima semana não haverá postos de vacinação itinerante.

Podem se vacinar pessoas com 60 anos ou mais, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes, puérperas com até 45 dias após o parto, os trabalhadores da saúde, os professores das escolas públicas e privadas e os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Profissionais da saúde devem apresentar a carteira de registro profissional do conselho da categoria, e, no caso dos professores, eles podem apresentar o holerite ou um documento que seja comprovante. Já para os portadores de doenças crônicas, é preciso um laudo médico que comprove a necessidade da imunização.

A meta é vacinar pelo menos 90% dos grupos elegíveis para a vacinação, mas o diretor do Departamento de Vigilância Epidemiológica destaca que o grupo de crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade continua com menor porcentagem de cobertura vacinal. “É o grupo que temos mais dificuldade, com apenas 34,23% do público-alvo imunizado”, enfatiza Robert.

As três unidades que estão realizando atendimento até 21h, de segunda a sexta-feira, continuam com o expediente exclusivamente para vacinação contra a gripe no horário noturno, para atender quem trabalha, com a opção de se vacinar em horários alternativos. São elas: o Centro de Saúde Eurico Vilela, da rua 13 de Maio (ao lado do Corpo de Bombeiros); a Unidade Básica de Saúde Dr. Roberto Árabe Abdanur, que fica na rua Dr. Edelweiss Teixeira, 60, no bairro Mercês, e a Unidade Matricial de Saúde do bairro Abadia, na avenida Orlando Rodrigues da Cunha, 2.223.

Notícias Relacionadas

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia