Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Thassiana Macedo - 16/07/2017

Projeto mais barato pode deixar o centro cinza, diz lder classista

Compartilhar:

Foto/Reprodução

Perspectiva da revitalização do calçadão no cruzamento com a avenida Leopoldino de Oliveira

Bem mais simples que o plano anterior, o novo projeto de revitalização do centro de Uberaba passou a chamar o calçadão de “Espaço Artur Machado”. Assinado pelo arquiteto urbanista Daniel Rodrigues, superintendente de Planejamento Urbano da Seplan, este projeto tem como principal diferença da primeira concepção, desenvolvida pelo paisagista Roberto Burle Marx, uma contrapartida de menor custo financeiro para os lojistas.

O presidente da Associação Centro Forte, Fábio Lopes, entende que a Prefeitura quis simplificar o projeto para ser capaz de executá-lo. “Até que ficou prático e bonito, mas questionamos foi a falta de cor, pois ficou tudo muito cinza por ser tudo feito de concreto. Para resolver isso, parece que vão colocar jardineiras. A praça realmente precisava daquele terminal de ônibus porque vai desafogar o trânsito e para atender as pessoas que ficam no ponto na chuva e no sol. O que pedimos foi que esse projeto não fique parado só nisso, porque a revitalização de verdade é em contexto global”, afirma.

Fábio Lopes lembra que o projeto anterior era importante porque também contemplava as ruas Manoel Borges, Vigário Silva e Artur Machado. “O que pensamos é o seguinte, que façam esse projeto inicial o mais rápido possível, porque tem quase 20 anos que estamos aguardando essa melhora, mas que a Prefeitura dê continuidade à revitalização. Sendo que a próxima fase deveria ocorrer na Artur Machado, que era a rua mais tradicional do comércio, o shopping dos nossos avós, e que hoje está morrendo”, alerta.

O dirigente reforça que propôs um projeto piloto ao secretário da Seplan, Nagib Facury, de acrescentar a verba de R$300 mil cedida pelo deputado Lerin para revitalizar também um quarteirão da Artur Machado e, assim, atrair a confiança dos comerciantes da região na viabilidade da ideia. 

Troca para proposta mais simples vai garantir a execução, entendem CDL e Aciu. O presidente da CDL Uberaba, Fúlvio Ferreira, avalia que se trata de um projeto bem simplista e muito bonito. “O projeto anterior possuía alguns requintes, mas esse é de fácil execução e manutenção. Acreditamos que a Prefeitura consiga executar as obras da praça Rui Barbosa este ano para depois partir para o calçadão”, afirma. Para ele, é uma pena que será mais um ano sem calçadão revitalizado para o Natal. “Creio que pelo menos um ‘batom’ o calçadão deveria receber esse ano, apenas um pouco de zelo, e que os ambulantes não estejam trabalhando em local indevido”, frisa.

Para o presidente da Aciu, José Peixoto, o projeto é bonito, simples e executável. Ele acredita que, ao fim das obras, o novo calçadão trará grandes benefícios para o comércio da região central da cidade e também a todos os frequentadores da área, tornando o local mais agradável e adequado.

Leia também: 

Revitalização não terá bom resultado se ambulantes continuarem sem controle

Intervenções colocam subterminal de ônibus no meio da Rui Barbosa







EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Publicado decreto de n 1.083/2017, que tem durao de 30 dias, que vai multar quem desperdiar gua em Uberaba. Voc concorda com a medida?




JM FORUM
Operao do Comando de Operaes Especiais do Sistema Prisional (Cope) na penitenciria Professor Aluzio Igncio de Oliveira visa coibir atuao do PCC na unidade. Na sua opinio, a atuao se faz necessria e eficaz?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017