JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 17 de outubro de 2018 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

GERAL

Estado não fornece remédios para fibrose cística há mais de ano

Dos 40 remédios que deveriam ser fornecidos pelo Estado, 30 estão em falta

22/09/2018 - 11:26:21. Última atualização: 22/09/2018 - 11:26:33.

Centenas de pessoas que sofrem de fibrose cística estão sem remédio há mais de um ano. A doença, que é incurável e pode levar à morte sem o devido tratamento, tem lista de 40 remédios que deveriam ser fornecidos pelo Estado. Contudo, 30 estão indisponíveis nos estoques, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), por falta de dinheiro. Ainda, nove das treze fórmulas e suplementos usados na dieta dos pacientes também estão em falta.

Vale lembrar que desde 20020 o governo de Minas é obrigado a fornecer os medicamentos aos doentes em decorrência de Ação Civil Pública (ACP) movida pelo Ministério Público a pedido da Associação Mineira de Assistência a Mucovirose (Amam). A decisão destacou o caráter urgente do apoio estatal em função da gravidade da doença e do alto custo de seu tratamento, que gira em torno de R$ 10 mil a R$ 50 mil por mês.

A presidente da associação, Claudiana de Souza Armendane Silva, explica que a falta de medicamentos é uma constante há bastante tempo, mas a situação se agravou nos últimos doze meses, quando a indisponibilidade de remédios aumentou por mais tempo. A SES-MG não sabe informar quantas pessoas no Estado têm a doença, mas aponta que 449 pacientes mineiros estão cadastrados para receberem assistência. Segundo previsão da Amam, pelo menos 650 mineiros têm a doença.

*Com informações do jornal O Tempo.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia