Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
  | 
BUSCA:     
Você está visitando a Edição do dia 07/12/2017

 
ESPORTE
Tamanho do texto: A A A A
ESPORTE
07/12/2017

Compartilhar:



 Foto/Divulgação


Atacante do Flamengo, Guerrero foi testado positivo para doping, quando jogava pelo Peru

Fifa prorrogou por mais 20 dias a suspensão provisória imposta ao atacante peruano Paolo Guerrero, enquanto avalia se aplicará uma sanção maior de acordo com as investigações sobre um possível doping do jogador, anunciou nesta terça-feira o presidente da Federação Peruana de Futebol (FPF), Edwin Oviedo.

Guerrero, que inicialmente foi sancionado por um mês no dia 3 de novembro, seguirá inabilitado, sem poder jogar nem treinar com o Flamengo e a seleção peruana até 24 de dezembro.

A decisão impedirá o jogador de disputar a final da Copa Sul-Americana contra o Independiente, cujas partidas estão marcadas para esta quarta-feira e para o dia 13.

"Esperamos que este tempo que estão tomando seja para poder resolver favoravelmente", disse Oviedo em referência à decisão do Comitê Disciplinar da Fifa.

A expectativa é que nesse prazo a Fifa se pronuncie sobre a investigação realizada a respeito do jogador e anuncie se aplicará uma punição maior.

Durante a audiência realizada na semana passada em Zurique, na Suíça, a Fifa concluiu que a benzoilecgonina, principal metabolito da coca encontrado no exame de Guerrero, não procedia do consumo de cocaína.

Pelos baixos níveis achados nas análises, a defesa do atacante alegou que a substância é fruto da ingestão de um chá contaminado com restos de folhas de coca, nos dias anteriores à partida entre Peru e Argentina, disputada em 5 de outubro em Buenos Aires.

Se a Fifa aplicar uma sanção maior que sete meses, Guerrero ficará sem jogar o primeiro semestre de 2018 pelo Flamengo e também não voltaria a tempo de defender a seleção peruana na Copa do Mundo de 2018.







AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2019