Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
  | 
BUSCA:     
Você está visitando a Edição do dia 04/02/2018

 
CÁ ENTRE NÓS
Tamanho do texto: A A A A
C ENTRE NS
04/02/2018
Alexandre Pereira

Compartilhar:



 No prejuízo
O empréstimo de R$40 milhões que a Prefeitura de Uberaba busca junto à Caixa Federal pode ser atingido pelo bloqueio do Conselho de Administração da instituição. É que, após declarações do ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, que admitiu publicamente o uso de empréstimos da Caixa a prefeituras como moeda de troca pela aprovação da reforma da Previdência, o referido conselho deliberou por bloquear novos financiamentos aos municípios. Os recursos seriam utilizados pela PMU em obras de recapeamento de avenidas, complexo viário da praça da exposição e outros projetos.

Sem entender
Analistas políticos entendem que o governador Fernando Pimentel (PT) coloca em risco o projeto da reeleição ao reter recursos do ICMS, IPVA, saúde e transporte escolar dos municípios, desde o ano passado. O apoio dos prefeitos e vereadores é fundamental em qualquer eleição. A situação se agrava com a indisposição do funcionalismo estadual, em decorrência do atraso e parcelamento dos salários e benefícios. Jogar a culpa na crise financeira e nas gestões anteriores não adianta.

Lamentável
Ex-dirigente da Fosfertil e ex-secretário de Desenvolvimento Econômico, Carlos Assis entende que, por ser a Mozaic a segunda maior importadora de adubos no Brasil e por ser o fosfato brasileiro um produto de custo elevado, é preocupante a redução de mão de obra neste momento. A empresa acaba de demitir 150 trabalhadores no complexo industrial de Uberaba, recentemente adquirido da Vale Fertilizantes. Ele observa que, no Brasil, fertilizante sempre foi assunto de estatal e era uma briga difícil para competir com o importado.

Ilustração


Reportagem deu destaque à iniciativa da Cohagra, Prefeitura de Uberaba e Codiub

Uberaba está em todas
A Revista Brasileira da Construção mostrou o sistema inovador de fiscalização em formato QR Code – um código de barras bidimensional – para inibir ocupações ilegais em unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, lançado pela Cohagra em parceria com o Ministério das Cidades. Por meio de dados disponibilizados pelos agentes financiadores dos empreendimentos do PMCMV, o sistema conta com um banco de dados dos mutuários que poderá ser verificado pelos fiscais, que torna o processo de fiscalização mais ágil e seguro. Também pode ser rastreado, pois funciona com o georreferenciamento, impedindo o uso indevido caso alguém remova o adesivo.

Foto/Leitor


Água parada na balança que fica nas proximidades do Jockey Park é criadouro de Aedes aegypti

Risco de epidemia
Enquanto a população uberabense não se conscientiza de que dengue, febre amarela, zika vírus e chikungunya matam, os criadouros do mosquito Aedes aegypti continuam espalhados por toda a cidade. Apesar de o levantamento de infestação (LIRAa) ter demonstrado o risco de epidemia e novo tipo de vírus ter circulado no município no ano passado, os focos do pernilongo são encontrados facilmente. Todos têm que fazer a sua parte.

Em negociação
Secretário de Desenvolvimento Econômico, José Renato Gomes, declarou ao Diário do Comércio que Uberaba negocia a implantação com uma empresa de logística (CD) e com uma indústria de alumínio. Negociações estão sendo feitas com o Instituto de Desenvolvimento Industrial de Minas (INDI-MG).

A menor
Demonstrativo de Contribuição Financeira do Banco do Brasil mostrou que as transferências de recursos e contribuições estaduais e federais à Prefeitura de Uberaba foram menores em janeiro deste ano (R$55.095.475,81), no comparativo com o mesmo mês do ano passado (R$57.797.583,56). Só de IPVA o Governo de Minas deixou de repassar mais de R$11 milhões ao município.

Repasses
Os maiores valores repassados em janeiro de 2018 foram R$23.423.474,61 de ICMS, R$13.300.055,62 do Fundeb, R$9.306.684,40 de IPVA R$6.503.269,75 do Fundo de Participação dos Municípios e R$1.285.981,95 do Simples Nacional. Também foram transferidos R$386.390,24 de ITR, R$263.548,83 do IPI Exportação, R$247.653,95 do convênio ISS, R$127.451,54 da CIDE, R$112.248,15 de desonerações de exportações, R$82.525,35 do Fundo Especial do Petróleo, R$53.365,07 da Contribuição de Produção Mineral e R$2.826,35 de royalties de Itaipu.

Estão de olho
Professor Adalberto Gomes Pires declara que o Governo de Minas, em meio às investigações por crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, não participou das aberturas da ExpoZebu nos dois últimos anos, e indaga por que mudou de ideia em relação à feira. Segundo ele, a categoria está de olho e espera que esse apoio não seja financeiro, pois os salários do funcionalismo estadual continuam atrasados e parcelados.

Sem necessidade
O advogado Rondon Fernandes de Lima observa que várias foram as informações errôneas passadas para os eleitores, como relatou a coluna. Dava-se a impressão de que, se não comparecesse para fazer o procedimento biométrico, o eleitor deixaria de ser cidadão após a data aprazada para fevereiro e, agora, prorrogada para 9 de maio. De acordo com ele, era preciso esclarecer que, mesmo se não fizessem a biometria, as pessoas não perderiam o número do CPF. De igual forma, pessoas que têm o título eleitoral suspenso por condenação criminal também não precisam fazer o recadastramento biométrico.

Correndo atrás
Depois que os sindicatos dos educadores (Sindeu) e dos trabalhadores do Codau (Sindae) tomaram a dianteira, o Sindicato dos Servidores Municipais convocou assembleia para discutir a pauta de negociações de 2018. Será na quinta-feira, 8, às 19 horas. O certo é que a questão financeira já está acertada, com reposição de perdas de 5%, mais a inflação do período, neste e no próximo ano. Ou vão voltar atrás...

Na torcida
As obras dos corredores de ônibus BRT devem ganhar ritmo nos próximos dias, com a publicação do resultado das licitações para contratação de fornecedores de materiais e de serviços.

Indicações
O prefeito Paulo Piau (MDB) indicou a chefe de gabinete adjunta Maria Batista Varotto e a diretora de Recursos Humanos, Sandra Barra, para comporem o Conselho Administrativo do Ipserv. Já o assessor de Planejamento orçamentário, Jorge Cardoso de Macedo, foi indicado para o Conselho Fiscal. Caberá a eles e aos conselheiros recentemente eleitos reorganizarem a vida do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais, levando em conta que todos são servidores de carreira.


Fundo do poço
O governador Pimentel (PT) vai desativar o Palácio Tiradentes na Cidade Administrativa. O gabinete do governador, a Vice-Governadoria, o Gabinete Militar, Cerimonial, Assessoria de Imprensa, além das secretarias de Governo e da Casa Civil estão sendo realocados nos prédios Minas e Gerais, que integram o complexo administrativo estadual. Alegação é de contenção de gastos.

Ti-ti-ti
- Matrícula dos alunos aprovados no Sisu 2018 para o IFTM vão até quarta-feira, 7 de fevereiro.
- Primeira parcela dos salários dos servidores estaduais só será paga após o carnaval, no dia 16.
- Agentes de endemias farão reunião com o Sindicato dos Servidores Municipais na terça-feira, 6.
- Até o prefeito Paulo Piau (MDB) participou do evento da Associação Mineira de Municípios (AMM) para que o Estado pare de reter os repasses de recursos do ICMS, IPVA e outros. Uberaba tem R$45 milhões a receber de atrasado.
- Nada menos que 13 atos de aposentadorias foram publicados pelo Instituto de Previdência dos Servidores Municipais (Ipserv), na sexta-feira, 2.
- A Prefeitura de Uberaba vai pagar R$69 mil para que o grupo Sambô se apresente no carnaval de rua, na segunda-feira, dia 12.







AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018