Publicidade
Rádio JM
Canais Facebook Twitter RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
FALANDO SÉRIOInferno
Tamanho do texto: A A A A
FALANDO SÉRIO
03/03/2015
Wellington Cardoso Ramos - wellingtoncardoso@terra.com.br

Compartilhar:



Juiz desabafa
Juiz João Rodrigues dos Santos Neto fez despacho de penitência e desabafo, declarando receber volume de processos (inclusive nas substituições que faz) acima da sua capacidade de trabalho.

Crédito
Seria apenas um mero desabafo ou tentativa de justificativa para atrasos, não fosse a credibilidade que o honrado magistrado desfruta em Uberaba.

Sobrecarga
Por isso, o desabafo merece reflexão justa sobre o excesso de trabalho a que estão submetidos aqueles que se dedicam à magistratura para servir à sociedade, sofrendo, solitários, as consequências disso.

Sem mistério
O juiz explica que sua incapacidade de produzir na mesma proporção da demanda é do conhecimento do Conselho Nacional de Justiça, por ele mesmo comunicada.

Sem escudo
Com destacada produtividade nas estatísticas do CNJ, João Rodrigues ressaltou em seu despacho em processo que “não utiliza essa realidade (das demandas) como escudo para a indolência”.

Distúrbios
O excesso de trabalho levou o juiz a perceber que apresentava sintomas de início de algum distúrbio, ao responder, há dois anos, a “Pesquisa sobre saúde e bem-estar dos magistrados”.

Julgamentos
Recentemente – comenta – adotou rotina de vida mais saudável, recuperando alguma energia física e mental. E ressalta: “Espero em breve poder julgar todos os processos conclusos além do prazo legal”.

Nomeações
Saem nos próximos dias as nomeações para cargos de chefia do Estado em representações uberabenses. Piau, Adelmo, Aelton e Tony chegaram a um entendimento quanto aos nomes.

Vai e volta
Enquanto aguardará a aposentadoria do colega Ramon Bucci para assumir a chefia do Departamento da Polícia Civil, o delegado Grilo tem proposta para assumir cargo na cúpula da instituição, em Belo Horizonte.

Sem ofensa
Por que ao invés de Heli Andrade ir para a capital, não lhe confiam uma divisão “de casos difíceis de resolver”, com liberdade para trabalhar? São inúmeras, em Uberaba, as mortes violentas sem autoria definida.

De fora
E virá mesmo de fora o próximo chefe da Gerência Regional de Saúde. A indicação é do deputado Adelmo Carneiro Leão.

Vale ouro
Na Assembleia Legislativa e na política do “toma lá, dê cá”, como frisou o colega Alexandre Pereira, no domingo, voto vale ouro. É o que explica ser de Lerin o “direito” de indicar o futuro chefe da Sedese.

Exigência
Essa foi uma das exigências de Lerin – do bloco “independente” da AL – para votar matérias de interesse do governador Pimentel.

Visível
Dificilmente Anderson não estará no caminhão de Lerin, em 2016. Isso só não acontecerá se o ex-prefeito se livrar das amarras jurídicas e puder ser candidato.

Assumindo
De sua parte, Lerin assume estar empenhado com Anderson em arregimentar forças populares para o ano que vem e até postou entrevista do ex-prefeito em sua página no Face.

Almoço
E um dos elos dessa futura amarração política parece ser a ex-secretária particular de Anderson. Luciene Fachinelli foi vista almoçando com o deputado, em galeria do centro, na semana passada. Pode estar pintando a dobradinha.

Sinal sonoro
Settrans instalará sinais sonoros para a orientação de deficientes visuais em semáforos do centro da cidade.

Explosão
Mais um caixa eletrônico foi explodido em Uberlândia. Desta vez, o que funcionava no interior da Justiça do Trabalho, provocando também danos às instalações, na madrugada desta segunda-feira.

Lucro da droga
Altamente lucrativo, do ponto de vista financeiro. Assim é o comércio de drogas no Triângulo, movimentando cerca de R$ 3,3 bilhões/ano, segundo cálculo da Polícia Federal.

Via aérea
Muita droga chega na região em pequenos aviões. Estima-se em cem os poucos mensais nas inúmeras pistas clandestinas da zona rural.

Migração
De acordo com levantamentos da PF, quadrilhas paulistas e matogrossenses migraram para o Triângulo Mineiro nos últimos anos.

Demais
Uberabense Márcio Henrique Alves foi reservar passagem da Azul para BH e tomou um susto. Em Uberaba, R$ 200 e, em Uberlândia, R$ 92. Fácil explicar por que o movimento do aeroporto de lá é maior.

“Não podemos ser felizes se não formos justos”.
(Epícuro/pensador grego)

 

 

 

 

 

 







Banner Giovanna Prata lateral superior
Especial Aniversário uberaba
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

Banner blog mais bella
ENQUETE
Na sua opinião, as alterações no trânsito de Uberaba:





JM FORUM
O que você acha da grande quantidade de vendedores ambulantes comercializando produtos no calçadão?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2015