Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
  | 
BUSCA:     
Você está visitando a Edição do dia 16/01/2018

 
ALTERNATIVA
Tamanho do texto: A A A A
ALTERNATIVA
16/01/2018

Compartilhar:



 


Olha a água que está represada na marquise do antigo Hotel REGINA. Além dos mosquitos que estão infestando a região, tem o perigo de desabamento e até de matar alguém. Não é possível que as autoridades continuem esperando acontecer uma tragédia para tomar providências junto aos proprietários desse pardieiro no centro da cidade. Francamente!


Obra interminável

Obra licitada para ser executada em sete meses vai passar de dois anos, sem solução. Corredores Sudeste e Sudoeste do BRT já avançam pelo 21º mês consecutivo, porém só ficarão prontos no final de junho. Isso se não houver mais uma prorrogação. Inacreditável tamanha demora para execução de serviço de baixa (ou baixíssima) complexidade como esse. Porta-Voz de sexta-feira publicou o 5º aditivo ao contrato, justamente para esticar até 21 de junho o prazo para conclusão das obras. Pelo amor de Deus... se a PMU continuar nessa “generosidade” com as empreiteiras, bom será se os dois novos braços do BRT ficarem prontos antes do final do governo Paulo Piau...

Em busca de decisão
Quanto mais o tempo passa, mais crescem as especulações em torno da reforma administrativa no governo Paulo Piau. No final do ano passado, falava-se em voltar a desmembrar as secretarias de Obras e Planejamento, bem como acabar com o acúmulo de funções dos secretários Antônio Sebastião Oliveira (Governo e Serviços Urbanos), Nagib Facury (Obras e Planejamento) e Denis Silva (Comunicação e Codiub). Bastou o assunto cair no domínio público para começarem as sessões de “beija-mão”, com pleitos e mais pleitos de nomeações de novos integrantes no primeiro escalão. Se o prefeito Paulo Piau não se decidir rapidamente, vai acabar sendo vencido pelo jogo político nesse ano eleitoral.

Fritura e mais fritura
Toda vez que um nome aparece na imprensa como cotado para assumir cargo no primeiro escalão do governo municipal começa o processo de “fritura” do “secretariável”. Mas as especulações são inevitáveis, porque são o assunto mais em evidência nos bastidores da Prefeitura.

Será? - A última especulação desse começo de semana dava conta da ida do vereador Kaká Carneiro para a presidência da Cohagra, com eventual desincompatibilização do titular Marcos Jammal para disputar eleições para deputado estadual. Particularmente não acredito nessa hipótese, mas em política (em especial de Uberaba) tudo é possível.

Dinheiro, pra que dinheiro? - Secretaria de Desenvolvimento Social realizou licitação para contratação de agência de turismo, visando a intermediação na compra de passagens aéreas nos próximos 12 meses. A justificativa: atender deslocamentos do prefeito, dos gestores/secretários e conselheiros de assistência social para participação nos eventos de políticas públicas do setor. A Seds poderá gastar até R$ 28 mil com a compra de passagens...

Situação estranha
Mais três guardas municipais vão responder a processo administrativo, sob acusação de cometerem infrações disciplinares. Do jeito que vai, a instituição Guarda Municipal vai acabar sendo dissolvida ou precisando contratar pessoal para trabalhar. Aliás, eles deveriam ser os primeiros a dar o bom exemplo, mas não parece que estejam cientes dessa responsabilidade. Afinal, toda semana (ou quase toda) tem publicação no jornal oficial do município dando conta da instauração de processos administrativos contra os guardas municipais. O que será que anda acontecendo por lá???

No paredão
Além dos guardas municipais, servidores da Educação também estão no “paredão”. Apenas no dia 12, sexta-feira, a Controladoria do Município instaurou processos administrativos contra quatro deles, visando a apurar supostas infrações disciplinares.

Tempo quente
Arquitetos associados ao Instituto de Engenheiros e Arquitetos “rodaram a baiana” ontem com o secretário Nagib Facury, em razão da notícia publicada no Jornal da Manhã a respeito da regularização de imóveis na cidade. Na matéria, o secretário orienta os contribuintes a contratarem um engenheiro para elaborar o projeto da obra a ser regularizada, mas não menciona os arquitetos como capazes de executar tal tarefa. Foi um Deus-nos-acuda.

Esclarecimento
No final da tarde, a Secretaria de Comunicação enviou uma errata a pedido do próprio secretário Nagib, esclarecendo que tanto engenheiros quanto arquitetos estão aptos a promover os projetos de regularização. Aliás, segundo Nagib Facury, existem 20 mil imóveis irregulares em Uberaba, aproximadamente. Os casos já protocolados na Prefeitura e os que vierem a ser solicitados até o final em março poderão obter desconto de 70% sobre o cálculo das medidas compensatórias e atenuantes.

Saudade

Linda, alegre, divertida... sempre de bom humor. Generosa. Gentil. Era impossível não perceber sua presença, onde quer que chegasse. Além de bonita, tinha um charme todo especial. Sabia cativar as pessoas, desde as mais simples até as mais abastadas. Assim foi Patrícia Naves Rodrigues da Cunha Mesquita, a gêmea de Cristina, filha de Naná e Hugo Rodrigues da Cunha, irmã de Junia e Helinho. Uma amiga muito querida, desde os tempos de Colégio Nossa Senhora das Dores, onde os laços de amizade e companheirismo se tornaram sólidos e perenes como não se vê mais hoje em dia entre a garotada. Patrícia estava radiante por ganhar a neta Maria Antônia, nascida no final do ano passado. Mas, ontem à tarde, lamentavelmente Patrícia nos deixou, depois de uma longa luta contra o câncer, luta essa encarada por ela com muita valentia e alto astral. Hoje, seu corpo será cremado em São Paulo, em cerimônia restrita à família. Uma pena a partida tão prematura de Patrícia...

 







AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018