Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
  | 
BUSCA:     
Você está visitando a Edição do dia 12/01/2018

 
ALTERNATIVA
Tamanho do texto: A A A A
ALTERNATIVA
12/01/2018

Compartilhar:




Incêndio nas dependências do Sírio Libanês, na tarde passada, foi apenas mais um capítulo na trágica história daquele que já foi um dos mais importantes clubes sociais de Uberaba; dá uma tristeza danada ver o estado de abandono em que se encontra, com mato crescendo descontroladamente, piscinas eternamente sujas, salões transformados em dormitórios por usuários de drogas e mendigos

Outra visão

“Não houve aumento real no valor do IPTU 2018. O reajuste de 1,95% foi menor do que a inflação oficial de 2,95%”, reagiu o prefeito Paulo Piau aos cálculos apresentados através desta coluna pelo ex-presidente da Aciu, Flamarion Batista Leite, na edição de ontem. Segundo Flamarion, ao reduzir de 20% para 15% o desconto para pagamento à vista e ainda aplicar o reajuste de 1,95% sobre os valores de 2017, o IPTU teve um aumento real quase três vezes maior que a inflação oficial do ano passado. Isso para quem pretende pagar o imposto de uma só vez.

Liberalidade apenas
Por outro lado, o prefeito Paulo Piau ressalta que a prerrogativa de conceder ou não desconto para pagamento à vista do imposto não traduz uma obrigatoriedade do Poder Público. “Desconto é concessão e não direito. Desconto não é obrigatório, caso contrário não seria desconto. Quando há a concessão de desconto, ela é feita dentro das possibilidades do concedente.” O certo é que o contribuinte vai pagar a conta da pindaíba dos cofres do município com esse IPTU mais caro em 2018.

Três opções

O prefeito frisou, ainda, que “em Uberaba os descontos são aplicados em três oportunidades para pagamento à vista, sendo 15% em janeiro, 10% em fevereiro e 5% até março, algo inédito nas médias e grandes cidades do país”. E mais: Piau reforça que “todas as regras do IPTU, ao contrário do afirmado, foram devidamente publicadas em decreto”, inclusive o percentual de desconto para pagamento à vista. O pagamento parcelado não terá desconto algum, só reajuste de 1,95%.

Muito caro - Por falar em impostos, o IPVA 2018 veio “com tudo” em relação a 2017. Além do reajuste extorsivo de valores – especialmente para motocicletas – o desconto para pagamento à vista foi fixado em meros 3%. Para um estado “quebrado” como Minas Gerais, era de se esperar um desconto atraente para reforço imediato do caixa oficial...

Mão de ferro - Depois de ter conseguido comprar combustível mais barato que o preço ao consumidor praticado na cidade, o Codau continua com mão de ferro nas suas compras. O quilo do hidróxido de cálcio usado no tratamento da água saiu mais barato do que há cinco anos. Embora o fornecedor seja o mesmo, o preço baixou de R$0,76 (em 2012) para R$0,38 agora.

Drenagem já
Não dá para entender por que razão Uberaba está registrando enchentes em bairros altos, como o Boa Vista, na primeira semana do ano. A força das águas foi tanta que causou prejuízos diversos a estabelecimentos comerciais e residências na região vizinha ao Cyrela. Moradores entendem que está faltando melhorar a drenagem das águas pluviais nos bairros, assim como limpeza de bueiros.

Mais uma
A propósito, leitor desta coluna está pleiteando a construção de galeria de água pluvial e bueiros na avenida Anchieta, no Jardim Espírito Santo. Argumenta que os moradores vêm sofrendo ao longo dos anos com o período chuvoso, pois a força das águas das enxurradas tem danificado o pavimento asfáltico e, consequentemente, dificultado a tráfego de veículos.

Suplício
Quem conhece bem o tagarela ex-executivo da JBS Ricardo Saud avalia que deve ter sido um verdadeiro suplício para ele se manter calado o tempo todo em que foi inquirido em audiência judicial, quarta-feira. Processo trata do favorecimento de grupo econômico pelo presidente Michel Temer. Saud entrou mudo e saiu calado.

Xeque-mate

Apoio do PR ao governo Paulo Piau dependerá de assento destinado ao partido no primeiro escalão. Secretaria de Governo é a nova bola da vez, já que a pasta dos Serviços Urbanos não decolou. Prefeito e o deputado federal Aelton Freitas estão conversando sobre o assunto, mas, segundo consta, ainda não chegaram a um denominador comum. O PR quer porque quer contemplar o polêmico ex-vereador Edmilson Doidão com cadeira no Legislativo, já que secretaria municipal seria difícil de fazer o nome dele emplacar.

Livre do paredão
Controladoria Geral do Município absolveu diretora de escola que respondia a processo motivado por denúncia anônima dando conta da prática de atos controversos no desempenho de suas funções. Decisão foi publicada esta semana no Porta-Voz, mas chegou tarde, pois a acusada não ocupa mais o cargo, que era comissionado.







AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018