Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     
Você está visitando a Edição do dia 08/01/2017

 
FALA DEPUTADO
Tamanho do texto: A A A A
FALA DEPUTADO
08/01/2017
Marcos Montes Cordeiro

Compartilhar:



 “A quem interessa patrocinar a tentativa de desmoralização da gente
que produz alimentos e empregos no Brasil?!”

Bem-vindos!. Bem que eu gostaria de abrir esta edição refletindo com vocês sobre temas mais amenos! Infelizmente, alguns brasileiros não aprenderam nada com 2016. E lá vamos nós, para um 2017 ainda pior que 2016! Será possível? – vocês devem estar questionando. Pois então, vejamos...

Dose dupla. Estou encerrando meu mandato de dois anos na presidência da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), comemorando uma série de avanços importantes, em que pesem as dificuldades e os problemas enfrentados pelo setor. E, até agora, tenho incluído entre estes avanços a abertura de um canal de comunicação entre o campo e a cidade, além do reconhecimento por parte do governo federal.

Prioridades. Ao assumir o colegiado, indiquei estes dois assuntos como prioridades do mandato e comemorei – com os colegas parlamentares da FPA – cada avanço. Pela primeira vez em sua história, a Frente Parlamentar da Agropecuária recebeu a visita de um Presidente da República em sua sede, em Brasília. Presença do presidente Michel Temer (PMDB) anunciava novos tempos.

Cidade e campo. E, finalmente, testemunhamos os moradores das cidades reconhecendo o valor da agropecuária e a importância do setor para a vida de cada família e para a economia brasileira. E, consequentemente, para o desenvolvimento humano e social do país. A própria imprensa, que raramente reconhecia esta importância, passou a divulgar as ações do campo.

Pisada de bola. Qual não foi minha surpresa ao saber que uma das escolas de samba mais importantes do país está prestes a caminhar no sentido oposto, abraçando uma ideologia ultrapassada, fora de moda, antagônica aos interesses da Nação, e pisando em tudo o que o campo faz pelo Brasil!

Retrovisor. Na decisão de homenagear o Parque Nacional do Xingu – o que, diga-se de passagem, é um direito da escola –, a Imperatriz Leopoldinense resolveu cair no lugar comum dos ideólogos ultrapassados e criticar o homem e a mulher do campo.

Pasmem!. Resolveu, com seu samba-enredo, criticar quem produz alimentos, quem dá empregos, quem segura as pontas da balança comercial do país... Lamento profundamente que o Brasil ainda conviva com este tipo de situação...

Patrocínio. Sabemos que a formatação do carnaval no Rio de Janeiro custa muito caro. Daí, é de se questionar quem e quais os motivos de alguém estar patrocinando uma escola de samba para que ela critique a agropecuária brasileira. A quem interessa esta tentativa de desmoralização do setor que tanto contribui com o desenvolvimento do país?!


 

*Marcos Montes é deputado federal, presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA); vice-líder da bancada do PSD (líder eleito para 2017) e coordenador regional da legenda no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; fundador e presidente do PSD de Uberaba (MG), onde é majoritário, tem domicílio eleitoral e foi prefeito em duas gestões. Ele escreve esta coluna semanalmente

 







San Marco - 16maio
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Aps publicao no Porta-Voz, obras da revitalizao do Calado devem sair do papel neste ms. A previso que sejam concludas em seis meses. Na sua opinio, a revitalizao fica pronta para impulsionar as compras de Natal?




JM FORUM
A partir desta tera-feira, dia 15 de maio, pr-candidatos de todo o pas podero iniciar suas campanhas de financiamento coletivo online, a vaquinha virtual. Voc acredita que a arrecadao ser suficiente para as campanhas?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018